Tutorial#2 – Escolhendo a abertura

Home » Dicas » Tutorial#2 – Escolhendo a abertura
posted in Dicas
by
with 3 comments

Tutorial#2 – Escolhendo a abertura

No post anterior demos início aos elementos fundamentais que fazem a fotografia acontecer. Deixei (espero) todos curiosos pra saber oque seria diferente caso eu tivesse feito as fotos de outra forma. Hoje vou explicar um pouco mais sobre a abertura. Vcs já sabem que ela está relacionada com a quantidade de luz. Mas e oque mais? Vamos ver…

Antes de começar, vc precisa entender uma coisa, que no começo pode ser até um pouco confusa, mas relaxa, com o tempo vc vai se acostumar com essa “confusão de números” que vou explicar:

Já sabemos que:
abertura grande = muita luz
abertura pequena = pouca luz

Vamos agora traduzir isso para termos fotográficos!
As aberturas grandes são representadas por números pequenos (f/1.8, f/2.0, f/2.8).
As aberturas pequenas são representadas por números grandes ( f/11, f/16, f/22).
A explicação disso é que cada f/número é, na realidade, uma fração: como 1/8  é menor que 1/4, então f/8 originará um buraco menor do que f/4.
Bom, essa explicação só serve pra vc saber caso alguém te pergunte, porque vou ser bem sincera, no fundo a teoria só atrapalha! rs Sou uma pessoa muito prática, então qdo eu estava aprendendo fotografar eu apenas decorei isso “abertura grande = numero pequeno, e vice e versa” Só! Sugiro que vc anote essa regrinha em um caderno, afinal daqui pra frente vamos ter varias regrinhas confusas. Mas com o tempo, vc decora! Ou melhor, Entende ;)
Aprendida essa regra, vamos entender oque mais a abertura modifica em uma foto além da quantidade de luz.

  • PROFUNDIDADE DE CAMPO

Profundidade de campo  é a area da foto que está com foco. As lentes podem focar com precisão apenas uma distância por vez, deixando o restante da foto fora de foco. E onde é que entra a abertura aqui?
quanto maior a abertura – menor a profundidade de campo
quanto menor a abertura – maior a profundidade de campo
Veja os exemplos a seguir:
(vc pode clicar nas imagens para visualizar melhor)

Como já foi dito no primeiro post, podemos chegar ao resultado de uma fotografia de diferentes maneiras. Nesse caso, as duas fotos tem exatamente a mesma quantidade luz embora eu tenha utilizado aberturas diferentes. Vc pergunta: “marilia, como que vc conseguiu isso, uma vez que a abertura influencia na quantidade de luz?”. Ora meus caros, eu compensei isso com velocidades diferentes.

Foto 1:
distância focal logal  obtida atraves de abertura pequena. -> abertra pequena entra pouca luz -> solução: tempo de exposição maior.

Foto 2:
distância focal pequena obtida atraves de abertura grande. -> abertra grande entra muita luz -> solução: tempo de exposição menor.

Simples!
Espero que tenham gostado e até  o proximo post.
Duvidas, criticas e sugestões são sempre aceitas!

ps: Agradeço ao Woddy por gentilmente ter aberto um espaço mais uma vez na sua agenda e me ajudado neste post.
ps2: se vc curte meu blog, minhas fotos ou vc simplesmente gosta de mim, que tal entrar na minha fan page e ficar atualizado de tudo oque acontece? Espero vc lá!


Leia também

3 Comments On This Topic
  1. Vitor posted
    07/03/2012 at 5:16 pm

    demais da conta menina!!! mesmo!!

  2. rabsKatamouts posted
    16/08/2011 at 11:37 am

    Aprendi mucho

  3. marianapedroso posted
    06/07/2011 at 5:20 pm

    Eeeee, priminha! Sempre trazendo dicas legais pra galera… :)
    Adorei!


Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>


/%postname%/